Mapa da Nasa deve ajudar a medir carbono estocado em florestas

O mapa mostra que as florestas mais altas do mundo ficam na costa noroeste da América do Norte
Os tons de verde refletem a altura do dossel, com o mais escuro representando 70 metros. Nasa


Dados de satélite permitiram criar o primeiro mapa detalhando a altura das árvores das florestas do mundo, informa a Nasa. Embora já existam mapas locais e regionais dando conta da altura do dossel das florestas, este é o primeiro a ter cobertura global e metodologia uniforme.

A agência espacial espera que o trabalho ajude a calcular quanto de carbono existe estocado nas florestas, e qual a velocidade com que esse carbono é reciclado de volta para a atmosfera. O trabalho aparece na revista especializada Geophysical Research Letters.

O mapa mostra que as florestas mais altas do mundo ficam na costa noroeste da América do Norte. O mapa apresenta a altura média do dossel em regiões de mais de 5 km quadrados, não a altura da maior árvore ou de um pequeno grupo.

O mapa tem implicações para o esforço de estimar quando do carbono da Terra está preso nas florestas e a explicar para onde estão indo os 2 milhões de toneladas anuais de carbono "perdido".

Seres humanos liberam cerca de 7 milhões de toneladas de carbono anualmente. Do total, 3 bilhões acabam na atmosfera e 2 bilhões, nos oceanos. Não está claro para onde vão os 2 bilhões de toneladas do saldo, mas cientistas suspeitam que as florestas capturam e estocam boa parte disso sob a forma de biomassa.

"O que realmente queremos é um mapa da biomassa acima do solo, e o mapa de alturas nos ajuda a chegar lá", disse o especialista em ecossistemas terrestres Richard Houghton.

O levantamento foi feito por meio de radares de raios laser, o chamado Lidar. O sistema mede a altura do dossel da floresta disparando pulsos de luz e medindo a diferença entre o tempo que os raios levam para voltar do solo e do topo da mata.

Fonte: Estadão On Line

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens Recentes

Postagens Populares