6. O Brasil como principal exportador

Brasil - levando etanol para os E.U.A e o Mundo.

6. O Brasil como principal exportador
O Brasil tem sido de longe o maior exportador de etanol nos últimos anos. Na safra 2007/08, as exportações de etanol hidratado totalizaram 3,7 bilhões de litros, dos 5 bilhões de litros de etanol comercializado globalmente (excluindo o comércio entre UE) (AgraFNP, 2008). Os EUA importaram mais da metade do etanol comercializado em 2006. Dos 2,7 bilhões de litros importados pelos EUA em 2006, cerca de 1,7 bilhões de litros foram importados diretamente do Brasil, enquanto grande parte do restante foi importado de países que são membros da Iniciativa da Bacia do Caribe (CBI) que se beneficiam de acesso preferencial ao mercado dos EUA e de importação de etanol (hidratado) do Brasil, desidratando e reexportando para os EUA. A China também tem sido um exportador líquido de etanol ao longo dos últimos anos, embora a níveis significativamente mais baixos do que o Brasil. Apesar de algumas exportações para os EUA, bem como aos países da CBI, a maioria dos destinos para o etanol dos chineses estão dentro da região asiática, em especial a Coréia do Sul e Japão (OESO, 2008). A UE é também um importador líquido.

Postagens Recentes

Postagens Populares